quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Dark Shadows - Trilha sonora


Das profundezas das sombras direto para seu cérebro através de seu canal auditivo, passando pelo tímpano, martelo, bigorna e estribo alcançando a cóclea com muita psicodelia, efeitos e sinfonias alucinantes. Com músicas de Danny Elfman na trilha original e grandes artistas da década de 60 e 70 na trilha musical.
Danny Elfman é um texano nascido em 53 e ex-integrante da banda Oingo Boingo, dono de uma das maiores trilhas de seriado mundial, The Simpsons, amigão companheiro de Tim Burton e compositor de trilhas magnificas como Beetlejuice, Batman, Batman Returns, Tim Burton's The Nightmare Before Christmas, Men in Black, Charlie and the Chocolate Factory , Tim Burton's Corpse Bride entre outras dezenas. Estreou em 1980 com a trilha do filme The Forbidden Zone e nessa trilha temos duas das 20 canções que compôs, a versão editada de “Prologue” e “The End ? “

Como disse lá em cima, a trilha tem bandas da década de 60 e entre essas a alucinante e premiadíssima The Moody Blues, banda inglesa do início dos anos 60 e que continua na ativa tocando seu rock progressivo e orquestrado por ai, “Nights in the White Satin” abre a trilha com nota 10. Acompanhando a década temos o londrino Donovan com seu folk rock e letras enigmática. Dono de singles como “Sunshine Superman” de 1966, Donovan gravou seu primeiro álbum aos 18 anos de idade e lançou  “Catch the Wind” e a comparação a Bob Dylan foi inevitável. Na trilha temos o som ”Season of the Witch”

Sempre de presença marcante em qualquer que seja seu trabalho, Iggy Pop and the Stooges faz a barulhenta “I’m sick of you” som que faz parte de um EP lançado a partir do álbum original de 1973, “Rarities, Outtakes & Alternatives From The Raw Power Era”

Para os românticos temos o casal mais amado e querido das famílias dos anos 70, “The Carpenters” com um sonzinho muito maneiro Top of the world”.  Os Carpenters lançaram dezenas de singles e hits inesquecíveis ( close to you, only yesterday , we’ve only just began ....) pode perguntar pro seu tio, seus pais ou seus avós e seguindo a linha “baila comigo” uma das vozes mais românticas da soul music, Barry White “You´re the first, the last, my everything” de 1974, regravada após ficar 21 anos na gaveta de seu escrito, Sterling Radcliffe.

Para dizer que não falei do rock and roll nessa trilha também temos o Tyranossauro Rex, T.Rex com a clássica “Bang a gong (get it on)” do álbun Eletric Warrior de 1971, além deste dinossauro temos o não menos secular Alice Cooper com “No More Mr. Nice guy” e “Ballad of Dwight Fry” esta engrossando a minha lista top 10 de todos os tempos.
Uma trilha sonora com sons setentista mas que não sofreu prejuízos com o passar dos anos  e vale muito ouvir.


sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Correndo com o seu dog


Sempre que estou correndo pelas ruas e calçadas da cidade de São Paulo vejo alguns donos de cães levando os seus pets para correr junto, contudo percebo que muitos não se preparam para essa atividade física, levando seus cachorros a exaustão podendo causar danos e prejuízos ao animal.

Com a finalidade de compartilhar os conhecimentos de um profissional da área, conversei com a Médica Veterinária Dra.Aline Roth sobre alguns pontos que penso ser cruciais para todos que gostam de correr levando seus pets, mas que o façam com segurança e da forma adequada ao bichinho.




  • Dra. Aline, levando em consideração a temperatura do cachorro, é indicado levar água para dar ao cachorro durante uma corrida ?

Água é essencial para manter a temperatura corpórea e não deixar que o animal faça uma hipertermia aguda ou intermação. A temperatura dos animais está entre 38 a 39 graus e hipertermia é aumento da temperatura acima de 41graus 

  • Os cachorros podem beber isotônico ?

Eu costumo prescrever água de coco. Desconheço sobre o uso de isotônicos em cães

 


  • Qualquer raça pode acompanhar o dono em uma atividade física ? desde as raças pequenas ( pintcher ) até as grandes ( dog alemão, são bernado ) e qual idade podemos começar ?

Raças braquicefalicas ( focinho curto ) devem fazer atividade física mais leve . Em relação às outras não vejo restrições para corrida . Animais pesados (>40kg) também devem correr por um período menor . Caminhadas após as vacinas estarem completas, corridas entre 7 - 8 meses.

  • Um adulto condicionado aguenta  cerca de 45 a 50 minutos de corrida, qual o limite de um cachorro ?

O limite é individual . Quando digo período curto , acredito ser uns 15 minutos . Porém animais com bom condicionamento podem correr 45 minutos sem problemas. Administre tempo de acordo com a idade de seu cão.


  • Como eu sei que meu cachorro está se sentindo bem praticando a corrida ?

Ele vai mostrar sinais de boa disposição , acompanhando bem na corrida, mucosas coradas , respiração não ofegante , além da carinha feliz !

Naguini é da raça American Bully e está com 1 ano e meio.


  • Há sinais aparentes de que o cachorro não está se sentido bem praticando a corrida ? quais os sintomas e o que podemos

O animal começa a ficar para traz , você sente que está puxando o cachorro . Ele costuma também deitar e não querer levantar mais . A língua ou mucosa oral fica cianotica ( uma cor mais violeta ) . Nesse caso vc deve parar imediatamente .  Ronquidao respiratória pode existir e nesse caso vc tb deve parar a corrida 

  • E a focinheira, é indicado retirar ou deixar com o cachorro ?

Sem focinheira para não prejudicar a troca gasosa


  • Alguns corredores gostam dos horários mais ensolarados para a prática da corrida, é razoável pensar que  os cachorros devem correr em horário de menor temperatura ?

Com certeza , pela manhã até no máximo 9:00 ou após as 17:00 seriam horários ideais


  • Antes ou após uma atividade física o cachorro pode comer, se alimentar normalmente ou necessário aguardar um descanso ?

A alimentação deve ser 2 horas após a corrida . Se quiser antes pode oferecer um biscoito ou uma fruta . Devemos lembrar que o mesmo vai beber água ao praticar exercício e se o estômago dele conter alimento como ração pode haver fermentação ou até nos casos mais graves dilatação gástricas .

Nunca corra com seu animal em dias quentes a intermação  ou hipertermia maligna mata !!! Lembrar  que o asfalto quente pode queimar os coxins ( sola ) além de aumentar a temperatura corpórea . Animais adoram praticar atividades física e agradar seu dono , para isso devemos ser donos conscientes e responsáveis pelos nossos pets !!!


Dra.Aline Moreira Roth CRMV/MG 6247 é formada pela Universidade Paulista desde 2001, especializada em clínica e cirurgía de pequenos animais e proprietária da Clínica Pet Center JF, em Juiz de Fora / MG









sexta-feira, 7 de agosto de 2015

Se você assistiu o filme basta um segundo depois do play pra você se ligar que estamos ouvindo a trilha de “The Warriors”.


A trilha saiu pelo selo A&M em março de 1979, um mês após o lançamento do filme. São 10 faixas que mesclam a soul music, o rock, pop rock, progressivo e a discoteca dos anos 70. Para quem curte soul music é um prato cheio. Eu curto bastante porque as músicas são recheadas com belos arranjos, backing vocals afinados, sintetizadores e um suingue muito legal.

Há entre os músicos e bandas dessa trilha um que se destaca por compor dezenas de trilhas sonoras nas décadas de 70, 80 e 90, estou falando de Barry De Vorzon. Entre suas trilhas mais conhecidas estão “S.W.A.T.” (1975) “Xanadu” (1979) “Looker” (1981) “V: The Final Battle” (1984) “The Exorcist III” ( 1990) . Em Warriors ele apresenta 3 sons sensacionais, o tema principal, “Theme from The Warriors”, o tapa na cara com 1:22 “The Fight”, e “Baseball Furies Chase”, uma viagem sonora.
Temos uma fera nessa trilha que é Joe Walsh, considerado pela revista Rolling Stone o 54º melhor guitarristas de todos os tempos. Joe tocou com a The James Gang Band, Eagles e Ringo Starr. Você pode conferir um bom trabalho dele no MTV Unplugged. Na trilha rola o verdadeiro rock and roll com a sonzeira “In the City”.

Para aliviar a sua tensão temos uma bela salsa com Kenny Vance & Ismael Miranda – “In Havana” e Arnold McCuller, vocalista e produtor americano com seu vozeirão trilhando “Nowhere to run”, um poutza som suingado, baita banda e backing vocals.
Rolando por mais de seis minutos de pura viagem “Echoes in my mind“, é da super banda com dezenas de músicos, Mandrill. Fazem o verdadeiro funk soul music sendo sampleados por muitos artistas do hip hop. E nem só de soul music vai a trilha, o roquenrol “Love is a fire” da potente Genya Ravan toca bem demais nessa trilha, um grande sucesso dela é “Back in my arms again”, outro classic rock dos bons! Pode aumentar o volume.


Fechando a trilha o R&B com uma gaitinha matadora de Johnny Vastano com “You’re moving too slow”. Procurei mais informações deste cara, mas não encontrei nada além de links para o som. A última música da trilha é de Desmond Child, compositor americano ali de Miami Beach, faz um pop rock típico de Top Gun com “Last of an ancient breed”.
Quem curtiu o filme vai adorar essa trilha e para quem ainda não assistiu, veja!